Sobre

Sobre

Olá, eu sou

Thaíse Gosson

 
O homem sempre teve o desejo de congelar o tempo de alguma maneira, seja através das pinturas nas cavernas, da escrita, das imagens em fotografias ou vídeos. E eu, é claro, sempre tive essa mesma quedinha das cavernas, rs, por registrar momentos. 

Meu pai, seu José, era um apaixonado por fotos e desde ás pretos e brancas que ele gostava de fotografia.  Na nossa casa sempre teve registro fotográfico, em todo aniversário aquele velho filme de 36 poses estava nos esperando. Era um tal de colocar o filme com todo aquele cuidado, escolher as pessoas/momentos mais importantes para as 36 poses, rebobinar, levar na loja para revelar, torcer para que todas saíssem boas, esperar, no mínimo uma hora para pegar e se surpreender com as imagens reveladas em cada foto. E toda família tinha suas caixas com álbuns, monócolos e os negativos. 

E é claro que a minha primeira máquina tinha que ser presente do papai e ali eu comecei a colecionar meus próprios álbuns. Entrei para a faculdade de Jornalismo em 2002 e em uma das matérias ela estava lá: fotojornalismo. Vieram também os cursos extracurriculares em fotografia, infelizmente feitos sem máquina analógica profissional. 

Em 2004, no meu primeiro emprego de carteira assinada, fui contratada como fotógrafa numa assessoria de imprensa e foi o meu primeiro contato com uma máquina compacta digital. Alguns celulares já fotografavam mas aquele visor viciante, só conheci com as digitais. Lembro que quando soube que havia sido contratada sai desesperada à procura de alguém que já tivesse tido esse contato com as digitais. 

E lá estava eu em todos os lugares, registrando tudo, até o que não precisava numa espécie de banalização fotográfica. E assim em muitas parcelas de cartão, rs, comprei a minha própria máquina digital, compacta mas digital.  E durante muitos anos sem intenção fui sendo apontada como a garota que estava nos aniversários/eventos e fotografava bem, era um tal de chama a Thatá que ela sabe, que despertaram a fotógrafa que havia em mim.

Em maio de 2014 decidi parar de brigar com o meu lado profissional e me dediquei exclusivamente a estudar e a trabalhar com a fotografia.  Aprendi que mesmo os celulares fazendo o papel das novas máquinas, a beleza de fotografar manual é incomparável. Vi que apesar de não mais revelados, os álbuns de família estão nas redes sociais e que o desejo de congelar momentos ainda permanece o mesmo. 

Descobri que sempre fui fotógrafa e assumo a minha paixão por registrar momentos que nem o tempo conseguirá apagar. 


DEPOIMENTOS

nossos clientes falam por nós
- Gisele e Juan, ensaio noivos

- Gisele e Juan, ensaio noivos

Nosso ensaio fotográfico foi feito em nossas férias em Natal. A paisagem e sua delicadeza fizeram com que nossas fotos ficassem incríveis. Soube fazer com que ficassem tão apaixonantes q não há uma pessoa que veja e não pense "eles estão realmente apaixonados". Qualquer pessoa que veja nossas fotos pela primeira vez consegue entender a razão pela qual nós nos casamos justamente pq vc conseguiu capturar o nosso amor nas fotos e isso foi o que deixou nosso ensaio mais lindo. Parabéns e obrigada.
- Themis Starling, ensaio feminino

- Themis Starling, ensaio feminino

Foi muito MARA ser clicada por suas lentes. Não há como ficar tensa pois o seu jeito extrovertido deixa o modelo muito à vontade. Tem muito senso de humor e um olhar clínico escolhendo os melhores lugares. Foi um prazer ser clicada por Thathá.
- Ruth Morais, ensaio infantil

- Ruth Morais, ensaio infantil

Amei as fotos que fiz, no início me senti meio desconfortável mas você é super divertida e conseguiu quebrar o gelo facilmente. Uma ótima fotógrafa, amei o trabalho.

Olá, podemos conversar?

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o nosso trabalho, é hora de agir!